Minhas Reflexões

Ao ler um dos textos, que abaixo está, antes, há de tocá-lo; se o fizer, ainda que seja por acaso, caso farei da sua atenção.

 

 A divagar devagar sempre estou!

 - A dormir mais, mais fico acordado!

 - Ah Tempo!

 - Algumas pessoas nascem para brilhar!

 - Ao céu voo, ou, vou ao inferno

 - Aos homens e às mulheres...

 - Apanhando pancadas, e recebendo afagos

 - Às mulheres e aos homens...

 - Às mulheres e aos homens...

 - Atém-te, e tem...

 - Cada pessoa que há...

 - Casamento

 - Como o sexo oposto! É lindo!

 - Crianças e idosos abandonados...

 - De si, desci...

 - De um poço não posso...

 - Dispenso elogios, aceito remendos...

 - Do ente humano doente...

 - É das edazes...

 - Éstuparador do próximo...

 - Eu escrevo mau?

 - Eu quero ser pelo menos, mais ou menos!

 - Há ponto sem luz e ponto com...

 - Inspirar-ação

 - Não advogar, há de vogar...

 - No seu pensar...

 - O fim, ao fim imediato...

 - O seu afastar a faz estar...

 - Omelete? Como! Como fazê-la, não sei!...

 - Para edificar, hei de ficar...

 - Passam por tais, quando dos portais da ética se desviam...

 - Por acaso, no acaso você crê?

 - Por ser demente, de mente fraca...

 - Quanto ao nosso ser,

 - Que é do seu haver por estar a escrever?

 - Que eu seja um...

 - Que pena! Não tenho dó...

 - Se sãos são os meus pensamentos...

 - Sem comentários...

 - Só falo àqueles que podem me ouvir... 

 - Tenho dó do ente humano doente...

 - Uma verdade bem dita, bendita...

 - Vai a idade para a vaidade...

 Verás: veraz...