Há recordações que nos trazem dor!

 

 

Há recordações que nos trazem dor!

E quase sempre, ao nosso lado envelhecem;

Mas, se houver entre nós, mais complacência,

Algumas, ou até todas desaparecem...

 

Vê acima!

Até em estância superior, nem sempre a dor consegue a união de versos,

Pois há no mundo poético, aquele que não se ocupa de rima,

Tão somente deseja ver soltos os seus poemas de sentidos diversos...

Mas, se entre eles, houver paixão, a união de amor e dor não há quem dirima.

 

PS - Fico-te muito obrigado pela tua visita; se leres mais, ainda que seja por acaso, caso a menos, não farei da tua atenção.

 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar