Aos homens e às mulheres...

 

 Quanto aos homens, sua mente tira mentira da verdade, para a realidade abscindir;

 Logo, logo, ou a todo tempo, da sua amizade, sem ressentimento, irei prescindir.

 Quanto à das mulheres, se não puder conserva-la, lamentarei;

 Por conta desta ou daquela penhora,

 Não me desesperei, se acaso, isso vier a acontecer.

 Pois, sem nenhuma mora,

 Por saber que há Deus, adeus a todos - menos a Ele - desejo dizer.

 
 

PS - Fico-lhe muito obrigado pela sua visita. Se ler mais, ainda que seja por acaso, caso a menos, não farei da sua atenção.

 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar