Veja que lindo! Lindas aos olhos não há!

 

E isto é natural, mas, racional não foi você, pois não acatou a minha advertência; talvez, o fez, pela prudência que lhe faltou, ao tocar sobre aquela incisiva asserção: “Não toque aqui!

Tem você inclinação mórbida à desobediência, ou se inclina à doentia imprudência?

Desta vez, a recear não menos, mais uma vez, advirto-lhe:

Não toque no ponto que está entre os parênteses, que são vistos logo abaixo!

 

                                       ( . )